Google+ Followers

Total de visualizações de página

Pesquisar este blog

Coração Aberto

Quando decidi escrever me senti uma borboleta saindo do casulo. E junto com ela saíram os sentimentos e os pensamentos que muitas vezes não conseguimos transmitir. Descobri que ser poeta é opinar sem medo, escrever é desvincular-se de segredos e expressar-se é viver intensamente.

JosiLuA

terça-feira, 29 de abril de 2014

AMIGOS ANJOS

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Hoje a inspiração veio da vida. Nem sempre as coisas planejadas saem como gostaríamos que saíssem e, como um sentimento natural, nos entristecemos. Questionamos o mundo e a vida. E o ser humano é assim.

Uns quase não sabem o que é isso, pois são tão afortunados que mal precisam fazer esforços para conseguir o que querem. Outros, no entanto, mesmo lutando, acabam não vendo o progresso de seus sonhos acontecerem.

Nos sentimos sós pela incompreensão e falta de carinho dos mais chegados. Parece que não querem se envolver para não terem mais um fardo, o da responsabilidade familiar.

Mas Deus está lá, está aqui, está em nós. E em algum dia, nós chegamos no início da fila para mensagens. Deus olha bem para nós e diz: " Hoje vou te mandar um anjo"!

Mas Ele não diz diretamente para nós. Faz as coisas acontecerem e, só quem está atento, pode perceber suas dádivas. Uma delas são os amigos anjos.

Quando você está completamente desligado do mundo, com o pensamento nos seus problemas e com seu sentimento tão esmiuçado é que eles aparecem. Vem do nada e do tudo.

Surgem enigmáticos e curiosos. Vem se achegando aos poucos, mas com o coração aberto para te acolher. Não são os amigos de todo dia, mas pode ser um deles em determinado momento. A diferença é que notamos imediatamente uma paz imensa ao conversarmos com eles. São os amigos anjos enviados por Deus.

Se você se deixar envolver pelo toque, pela conversa, pelo olhar, então sentirá a vida brotando novamente nas suas veias. Pois eles não vieram até você para fazer fofoca, mas para deixar palavras de conforto e coragem.

Os amigos anjos realmente torcem para sua felicidade e instantaneamente liberam para você uma energia reconfortadora que o envolverá em uma névoa de esperança. Eles fazem você acreditar no amanhã, em seu potencial e num destino melhor, caso você se abra para o amor e para Deus.

Não é a primeira vez que tenho a honra de encontrar um amigo anjo. Eles são fantásticos, são seres que, sem saber, desempenham um papel para Deus: o de ajudar o próximo. E só por isso, recebem luz e sabedoria divinas através do seu canal de ligação com o cosmos, que os faz pessoas do bem.

Querer ser forçadamente um amigo anjo não dá resultado. Pois essa é uma tarefa que Deus escolhe para alguns, em determinados momentos da vida. E só a eles cabe a luz necessária para tirar alguém depressivo de sua zona de conforto, fazê-los arregaçar as mangas e ver realmente a luz no fim do túnel.

Estar preparado para ser um escolhido é uma grande bênção. Não sei como Deus os escolhe, mas provavelmente através do seu imenso coração.

NAMASTÊ

segunda-feira, 21 de abril de 2014

COMERCIALIZAR SENTIMENTOS

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Ser humano é assim capitalista
Sempre quer ganhar algo em troca,
mesmo que seja reconhecimento.

Se dá amor, quer carinho.
Se dá atenção, não quer ficar sozinho.

Se dá dinheiro, quer submissão,
Se dá sua mão, quer compensação.

Se dá sua alma, quer encontrar poder,
Se dá seu coração, quer sentir prazer.

Se dá conselhos, quer vender idéia,
Se dá abrigo, quer ter uma plateia.

Se dá emprego, quer dizem que é bom,
Se dá consultas, quer ter mais um dom.

Se dá beijinhos, quer logo sua boca,
Se dá presentes, espera outro em troca.

Mas o amor, esse sentimento mais puro,
deveria ser só amado,
jamais solicitado,
jamais renegado,
só sentido,
só abraçado,
e nunca, mas nunca manipulado!

Incondicional é quando nos doamos sem cobrar
quando fazemos porque queremos,
sem pensar no amanhã.

Mas todos querem ganhar, ninguém quer só dar!
E é isso que faz o mundo ser tão injusto,
pois os que têm mais, estão sempre querendo recuperar
e os que têm menos, nem sempre podem pagar.

NAMASTÊ

ORAÇÃO DE CONFORTO ESPIRITUAL

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Meu Pai, meu Melhor Amigo!
Hoje sinto-me um pouco melhor, mas ainda tenho dúvidas.
O sol, neste momento emite raios através da janela,
e só por isso, sei que estás me ouvindo.
Sei o quanto me aborreço pelas coisas não darem certo em minha vida.
Sei o quanto me irrito e por momentos perco minha fé.
Sei que toda a energia que consigo conquistar, em minutos desfalece.
Mas, Pai, ainda estou aqui na Terra, cega sobre tudo que nos cerca realmente
e ajo conforme o que vejo e o que sinto, apenas.
Gostaria de poder limpar-me de todas as dúvidas, de todas as aflições que me assolam.
Vejo a vida passar por mim e não eu passar pela vida!
Perdoe-me se estou sendo injusta, se minha fé está abalada!
Nem sempre consigo rir de tudo, muito menos compreender tudo.
Quisera eu ser dona do meu destino e seguir as lições que dizem "é só querer"!
Mas parece que não é bem assim e que existem forças contrárias àquilo que almejamos. Por algum motivo, não consigo chegar lá.
Talvez essa seja a minha missão e a minha lição a aprender.
Se devo ou não continuar lutando para conseguir vencer é uma decisão importante, eu sei. Pois sem luta não só a vida passará por mim, mas ela não terá nenhum significado.
Então, Pai Querido e Amado, nesta manhã eu ressuscito e peço Tua ajuda para iluminar meus pensamentos, pois não quero pensar em nada menos do que usar esta vida para meu crescimento espiritual.
Não me abandoneis, Pai! Mesmo que eu derrape, que eu grite que está difícil demais continuar. Pois a única certeza que tenho dentro do meu peito é a de que não quero nunca sair do Teu lado e da Tua luz.
Hoje, um pouco melhor, quero agradecer por às vezes não me ouvir. Pois sei que, quando um filho diz besteira, preferimos cerrar os olhos e ouvidos e rezar por ele.
Só tenho a Lhe agradecer por me mostrar que sempre existe um caminho onde não existe caminho, porque és Tu que reina em todo o universo.
Amém


NAMASTÊ

sexta-feira, 18 de abril de 2014

INCOMPREENSÃO

Autora: Josianne L.Amend(JosiLuA)



Não compreendo por quê:
- pessoas boas se vão, pessoas más ficam;
Não compreendo por quê:
- injustiças se fazem com quem não tem poder de lutar e/ou se defender;
Não compreendo por quê:
- filhos crescem e se tornam donos da verdade e te desrespeitam, não te ouvem e não percebem que foi através dos pais que eles chegaram até aqui;
Não compreendo por quê:
- existem juramentos em cada formatura, se 99% não os cumpre;
Não compreendo por quê:
- um povo reclama tanto de sua vida, mas não tem atitudes para mudar nada;
Não compreendo por quê:
- algumas pessoas precisam ser comandadas por outras para sentir felicidade e segurança;
Não compreendo por quê:
- você quer fazer o bem, mas vive cobrando das pessoas o que fez ;
Não compreendo por quê:
- o desespero de algumas pessoas é ignorado pelos governantes, políticos e policiais que abusam de seu poder para benefício próprio;
Não compreendo por quê:
- você tem vontade de fazer mudanças e se deixa dominar pelo seu medo e dos que o cercam;
Não compreendo por quê:
- cada um precisa do outro, mas quando um se sente infeliz, resolve fazer infeliz o outro também;
Não compreendo por quê:
- pessoas casam ou namoram para trair, para machucar, para atormentar umas às outras;
Não compreendo por quê:
- o descaso e desrespeito com seus filhos pode te trazer paz;
Não compreendo por quê:
- alguns usam o amor como desculpa para tudo que os faz infeliz;
Não compreendo por quê:
- pessoas morrem de fome pelo mundo, enquanto tantos estão comendo e já pensando na próxima refeição;
Não compreendo por quê:
- o talento natural das pessoas, seu dom, é visto com dúvidas;
Não compreendo por quê:
- fala-se tanto em amizade, mas na hora que mais se precisa onde estão os amigos?
Não compreendo por quê:
- temos família e nos sentimos tão sós;
Não compreendo por quê:
- a idade é motivo de chacota ou de dúvidas a respeito da vida de alguém;
Não compreendo por quê:
- todos que morrem eram bons e fazem falta, quando em vida, ninguém os lembrava;
Não compreendo por quê:
- o egoísmo em ter cada vez mais, faz o ser humano mesquinho e esquecer que é só carne;
Não compreendo por quê:
- se faz tanto por alguém e esse alguém só tem olhos para os nossos defeitos;
Não compreendo por quê:
-  que algumas pessoas vêm buscar no mundo e querer de suas vidas somente autodestruição e "barato", quando podiam deixar um legado de luz;
Não compreendo por quê:
- gritar é a forma que algumas pessoas encontram para calar o que elas não querem ouvir, quando poderiam apenas trocar idéias e serem mais felizes;
Não compreendo por quê:
- não se pensa, só se age e se faz destruir  tantos sentimentos.
Não compreendo por quê:
- o mundo só procura sua satisfação pessoal e não seu conhecimento interior;
Não compreendo por quê:
- o amor incondicional é o que mais faz sofrer e que dói tanto na alma;
Não compreendo por quê:
- com tanto e tudo que acontece em nossas vidas, ainda somos cegos para ajudar, para compreender, para não humilhar, para repartir, para só doar...

Mas compreendo perfeitamente que neste mundo, com o que cada ser humano tem dentro de si, podemos esperar o inesperado a qualquer momento.

NAMASTÊ

segunda-feira, 14 de abril de 2014

SONETO PARA A LUA

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)



Ó poderosa Lua
Cheia de luz e energia,
movimentando o interior das pessoas,
explodindo sensações de poder,
causando embriaguez até ao amanhecer
e transformando tudo para nos comover.
 
Ó poderosa Lua
Crescente em delírios,
que causa torpor e nos chama para a vida!
Tua presença nos estimula
 e levados pela grande beleza
cometemos insanidades e safadezas!
 
Ó poderosa Lua
Nova em seu espetáculo,
Vazia na claridade que tudo escurece.
Quem se esconde nela, procura,
em rastros sinistros de tortura
Beijar o amor fingindo ternura!
 
Ó poderosa Lua
Minguante de desejos,
que impede qualquer ato ascendente,
e no impulso de cometer atrocidades,
pinta a vida com crueldades
causando grandes tempestades!
 
 
Lua que atende Majestosa ao chamado,
que se esconde, que se mostra,
que afina, que incha e se expande,
que é sinistra e inspiradora!
Lua dos amantes e dos loucos,
Ilumina hoje o caminho da minha vida
e me mostra o da luz na despedida!
 
 
NAMASTÊ
 



 

sábado, 12 de abril de 2014

NÃO É O BRASIL

Autora: Josianne L.Amend(JosiLuA)



Tenho lido muitas frases dizendo que nosso país está perdido, que o Brasil isso, o Brasil aquilo. Eu nasci aqui. Por algum motivo não estou lá, nem ali, mas aqui.

Eu tenho orgulho da terra em que nasci nesta vida. Até simpatizo com alguns lugares do mundo de uma maneira toda especial, provavelmente porque em algum momento da minha existência, vivi nestes lugares. Ou talvez tenha a ver com o inconsciente coletivo, não sei.

O fato é que não é o Brasil, mas os homens. Minha terra tem praia, tem mata, tem sol, tem terra. É feita de cachoeiras, de cristais, de pessoas de fé, de gente que trabalha duro para sustentar seus filhos, de gente que acredita no amanhã. Esse é o Brasil.

Um pequeno espaço de terra num planeta abençoado com tanta beleza. Em sua vastidão, poderíamos viver plenamente.

Mas, lamentavelmente, o Brasil foi manchado pelo sangue ruim da ganância, da malandragem, da insensibilidade e arrogância dos homens. Pessoas que não são brasileiros de coração. Aliás, não são de lugar algum. São destruidores, almas pequenas, encarnadas com o propósito de macular qualquer pedaço de terra que pisam.

Não é o Brasil, não é nenhum lugar no planeta. Os lugares são benditos, são nossas fortunas. Alguns homens é que são o desastre. Agem como se suas vidas fossem eternas e se levassem tudo que pudessem em seus bolsos. Vendem sua alma ao demônio!

Procuram cargos de confiança para derramar seu sangue sujo, pisando sem nenhum pudor nos que confiaram neles dando seus votos. Não é o Brasil, são os homens que o governam e aqueles que simplesmente têm desvios mentais, emocionais e racionais, que prejudicam, roubam, matam e que pestearam, não só o nosso país, mas todos os cantos do mundo.

Meu Brasil é minha terra! É meu paraíso! E aqui tem muita gente boa, do bem e que luta por seus direitos de viver ainda perto da natureza, com uma vida digna e satisfatória para si e os seus.

Muitos ainda não tem consciência da importância da terra que pisam e da Terra que vivem. Não se importam com nada. Sujam, jogam, cortam, queimam. E não percebem que estão "emprestando" algo por um tempo. E que os que ficarem também têm direito a viver com qualidade.

Não compreendo as atitudes, não entendo querer viver na ignorância para não ser responsável por nada.

Espero sinceramente que a natureza dê em troca, com toda sua fúria, a resposta para lavar todo sangue sujo e mente nojenta que assola este país.

Perdoem meu desabafo...

NAMASTÊ
 

O PODER DA MEDITAÇÃO

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)

 recomendo ler este texto ouvindo esta canção...
http://www.youtube.com/watch?v=e_5zLs-7iuc


Quando você se conecta com Deus e com a luz do universo, a sensação é de flutuar no cosmos. Em meditação, por vezes, me vejo sentada entre planetas e estrelas. Cometas passam por mim e sinto a plenitude.

Não há paz maior que isso. É como se eu atingisse o coração do todo e a pulsação se faz presente dentro do meu ser, explodindo para tudo que me cerca.

Não vejo seres, mas os sinto. E a paz se faz. Meditar é amplitude, é buscar dentro de nós o que está por todo o universo. Aquietar a mente é ouvir as próprias batidas do coração. Sentir o sangue correndo nas veias e poder jubilar-se de não pensar nas preocupações que assolam nossa vida.

Rezar com fervor, pensando única e exclusivamente nas palavras que dizemos é a fé.
Algumas vezes somos presenteados com energias benvindas tomando conta do ambiente e fortalecendo-nos.

Meditar é doação contínua que aos poucos se torna parte de nós e sem ela não conseguimos mais viver, ajudando a suportar as amarguras que se fazem presentes em determinadas ocasiões. Nos tornamos mais controlados e calmos.

E, ao observar o mundo, nossa sensibilidade aflora, nossos olhos enxergam mais com o coração e nossa mente é tranquilizada com a essência espiritual que recebemos durante esse momento de ligação com o espiritual.

Meditar é elevação, saúde e busca. Oferecer ao seu próprio corpo uma parada, prestando atenção naquilo que o faz sobreviver, em cada parte dele. Você percebe a unidade em que todos nós somos e estamos.

Com o tempo, ao nos colocarmos em posição de meditação já percebemos o corpo vibrar de maneira diferente. É como se nossa alma transcendesse em outra dimensão. E lá podemos usufruir de muita generosidade e bênçãos. O silêncio se faz presente e acalma o infinito.

Fechar os olhos e simplesmente se entregar ao universo é a experiência mais gratificante que pude sentir, pois ela me transformou. Transformou minhas palavras, meus gestos, minha maneira de pensar.

O encontro com Deus e com as forças do universo é o segredo maior, que todo ser humano deveria tentar. Não custa nada, não perde a validade e nem estraga. Só renova.
E tudo está esperando por nós. Basta fechar os olhos e respirar...


NAMASTÊ


 

sexta-feira, 11 de abril de 2014

PARANÓIA

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Desço cada vez mais sem noção!
Carrego pedaços de mim e os atiro.
Lobos os despedaçam ainda mais
e me sinto livre de algumas coisas.

Observo que alguns pedaços gemem
e que outros se contorcem gritando e agonizando.
Mas sinto um certo prazer, uma euforia
que ao percorrer meu corpo, fá-lo vibrar.

A culpa quer me dominar,
mas o êxtase toma conta da minha alma.
E joga-me de encontro à imaginação,
provocando em mim uma loucura deliciosa!

Provoco lamentos doentios e histéricos,
que amortecem pouco a pouco minha carne.
Livre de alguns pedaços, me sinto plena!
Busco agora conforto na maneira de me movimentar.

Não permito mais que a neurose de uma vida,
seja o carrasco da minha essência.
Agora eu subo e nem olho para trás,
pois não quero me recordar do que fui,
apenas, na minha paranóia, saber quem sou.

NAMASTÊ
 

ANGÚSTIA

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Tenebrosa e assustadora
vai corroendo o meu peito.
O estômago parece nervoso
e nada em mim está satisfeito!

Andarilho pra lá e pra cá
e meus olhos nada encontram.
Me sinto um vivo sem esperança,
atordoado com tanta lembrança!

Tal sentimento nos sufoca,
embaralhando as idéias.
O coração se aperta e em pedaços,
nos corrói em uma epopeia!

Nada é bom o suficiente,
para nos tirar do desatino.
E essa angústia desenfreada
Me transforma em meu próprio assassino!