Google+ Followers

Total de visualizações de página

Pesquisar este blog

Coração Aberto

Quando decidi escrever me senti uma borboleta saindo do casulo. E junto com ela saíram os sentimentos e os pensamentos que muitas vezes não conseguimos transmitir. Descobri que ser poeta é opinar sem medo, escrever é desvincular-se de segredos e expressar-se é viver intensamente.

JosiLuA

quinta-feira, 30 de maio de 2013

UM CORPO VALE MUITO

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Hoje assisti um filme que me emocionou muitíssimo: "Hotel Ruanda ". O filme é triste
demais, considerando que as pessoas deveriam ter um mínimo de dignidade em suas vidas, podendo desfrutar do país onde nascem, do local onde vivem, junto com seus familiares e amigos, na paz.

Não sei o que se passa na cabeça de seres humanos que, em busca talvez de diversão em suas vidas, se vendem e vendem suas vidas para uma causa estúpida e tão sem lógica que é a "inventada" diferença de classes, de títulos, de raças e de poder. Poder o quê? Ter tanto para desfrutar a vida e ser enterrado como outro qualquer.. Alguns só querem ter o direito de viver, de andar, de ver sua família, de ser.

Abusos de poder, fazem criaturas horrendas com armas de fogo e armas brancas tirarem o direito à vida de seres humanos de todas as idades. A crença de que estão fazendo um favor a humanidade exterminando determinadas pessoas é totalmente louca e sem propósito. A começar pela pergunta: quem são vocês para dizer quem ou não pode viver?

E não estou falando somente do que se passa no local do filme, mas em qualquer lugar deste mundo. Que direitos estas pessoas têm de entrarem na casa de trabalhadores e tirar suas filhas no meio da noite para estupros ou até para arrancarem suas pernas, porque são albinas, como vi estes dias no Discovery?

Onde é que está escrito "sou melhor do que o outro"? Porque o ser humano sempre teve esse pensamento sujo e que não leva a nada, a não ser tristeza e dor para tantas pessoas?

Desde quando uma vida não vale mais nada? Pessoas inocentes, trabalhadores, pais de família, filhos, mães estão sendo exterminados a todo momento pelo mundo todo. Isso é falta de fé em Deus. Pois, se todos nós estamos na Terra, tivemos a mesmo direito de vir para cumprir nossa missão.

Que mundo melhor seria sem a ganância e o poder! Que mundo melhor seria sem aqueles que passam o dia arquitetando planos e vinganças, além de decidirem quem vive e quem morre. Usem suas cabeças para melhorar a vida, tanto de vocês, quanto da humanidade.

Parem de se achar reis sem coroa e sem causa. Pois vocês se acostumaram a usar a maldade e nem sabem mais o sabor da paz e do sorriso. O que seus dentes mostram não é alegria, mas seu lado mundano e sem felicidade.  Mudem ... deixem que as pessoas possam lutar por suas vidas dignamente, trabalhando, estudando, criando seus filhos e esperando seu destino que só a Deus deveria pertencer.

Se para você um corpo não vale nada, experimente começar doando o seu próprio corpo.

NAMASTÊ

domingo, 12 de maio de 2013

MÃE

Autora: Josianne LAmend (JosiLuA)


Mãe pode ser magra ou rechunchuda,
Mãe pode ser brava ou apenas muda.

Mãe chora em horas que deveria rir,
Mãe ri das coisas que a fazemos ouvir.

Mãe é engraçada, mas também malvada,
Mãe é insistente e também impertinente.

Mãe beija o dodói e o cura na hora,
Mãe sacode o chinelo quando quer as coisas agora!

Mãe abraça apertado e não deixa a asa se abrir,
Mãe acena com as mãos e com os olhos tenta sorrir.

Mãe ensina, organiza, limpa e cozinha,
Mãe é a mulher que vem beijar na caminha.


Mãe é a chata que só quer nos ver em segurança,
Mãe é o nome que, no desespero, é a primeira lembrança!

Mãe não tem cartilha, apenas segue o coração,
Mãe sabe tudo sobre nós, trabalha com a intuição.

Mãe é o pavor dos psicanalistas,
Mãe é alvo do pintor surrealista.

O sorriso de mãe nos dá força e confiança,
o choro de mãe faz crescer nossa criança.

A presença de mãe é o que muitas vezes nos conforta,
mas o desdém de uma mãe fecha muita porta.

Não tem como julgar as atitudes de uma mãe,
pois o que vai no coração da mulher que deu à luz
pode conduzir da ilusão à realidade.
Mãe não é mais que a mulher que conduz,
um filho para encontrar sua verdade!

FELIZ DIA DAS MÃES

Às mulheres que se tornaram mães e que assumiram esse valioso papel!
 

O QUE SÃO OS SONHOS?

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Se ainda algo me surpreende e muito são os sonhos. Estudos científicos dizem que são nossa imaginação funcionando durante nosso sono. Na psicanálise, são desejos reprimidos. Em algumas culturas podem ser avisos de nossa alma.

Mas ninguém sabe realmente o que são. Teorias e mais teorias fazem com que o homem não perca, como sempre, o controle da situação sobre si mesmo.

Acho que existem diversos tipos de sonhos e que podem se manifestar conforme nosso estado de espírito, nossa atual situação na vida ou até por nos admirarmos ou impressionarmos com alguma coisa. Essa manifestação pode ser imediata ou aparecer depois de muito tempo, quando a memória já adormeceu no inconsciente.

Mas o que me interessa de verdade são aqueles sonhos reincidentes e que nada tem a ver com a realidade de nossas vidas, ou pelo menos em parte. Sonhos com pessoas que já partiram ou com lugares fantásticos que jamais visitamos. Sonhos com pessoas engraçadas e nomes que jamais fizeram parte de nossa rotina.

Acredito piamente que existe uma ligação de nosso corpo astral com um mundo astral durante nosso sono. E que nosso corpo se conecta com pessoas e lugares, inclusive de outras dimensões. Esses sonhos podem ser analisados e geralmente têm alguma bagagem que nos ampliará a consciência sobre determinado assunto ou nos dará algum insight para a vida.

Sempre fui fascinada pelos sonhos. Às vezes eles são ridículos, mas muitas vezes tenho vontade de ficar lá, no mundo dos sonhos, de tão intensos, coloridos e cheios de vida que se apresentam.

Acredito que todos sonhamos, mas alguns simplesmente não recordam. Tentar lembrar destes sonhos seria algo importante. E pode ser feito com auto-programações. Seriam os sonhos uma forma de dizermos a nós mesmos coisas que gostaríamos de ver e ouvir?  Seriam eles, talvez, algum mecanismo interno e psicológico para aliviar tensões? E o que seriam os pesadelos com seres mitológicos, diabos e monstros ou perseguições onde acordamos gritando, com sudorese e desesperados?

Ainda acho que muitos sonhos são bem significativos e devem ser levados em conta de maneira a um aviso, uma análise com referência à sua vida e também a um autoconhecimento.

Particularmente, alguns sonhos bem analisados me fizeram perceber perigos ou saídas para alguns problemas de minha vida. E se essas descobertas estão somente dentro de nós, imaginem que mar de poder temos. Porém, outros acontecimentos me fazem acreditar que, ao dormirmos, abrimos as portas para uma relação interdimensional. E, portanto você deve estar preparado para dormir.

Escreva seu sonho. Tenha sempre ao lado da cama papel e caneta e, se acordar escreva pelo menos uma palavra que o faça lembrar disso durante o próximo dia. Você terá uma ótima ferramenta para analisar muitas coisas em sua vida.

E, se precisar de auxílio, sinta-se à vontade em me escrever e terei imenso prazer em ajudar na interpretação.

NAMASTÊ

quinta-feira, 9 de maio de 2013

ROTINA

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Quem é que gosta da rotina, de fazer todos os dias a mesma coisa? Talvez a vida fosse mais divertida se cada dia fosse uma surpresa e uma nova história. Mas vivemos robotizados, presos pelos mesmos caminhos pelo menos em noventa por cento de nossa vida.

Acordamos, vamos ao banheiro, tomamos banho, escovamos o dente, etc, etc, etc. Escolher a roupa, sair pelo mesmo caminho, chegar praticamente à mesma hora todos os dias e dizer as mesmas palavras aos colegas de trabalho. Abrir gaveta, pegar papéis, reler anotações, etc, etc, etc.

Voltar para casa, pegar os filhos, comprar pão, leite, fazer compras, lavar roupa, ajeitar o jantar, banho, etc, etc, etc.

Às vezes tudo isso cansa! E cansa de uma forma tão intensa que necessitamos das esperadas e tão sonhadas férias. E temos que organizá-las de modo que não se vá para algum lugar onde faremos a mesma coisa durante os vinte ou trinta dias. Pois, caso contrário, estaremos cansados também de descansar.

Podemos melhorar essa monotonia de nossa vida com alguns critérios. Por exemplo: mudar de caminho, obervando a nova paisagem, mudar a posição de algumas coisas em nossa mesa de trabalho, mudar a posição dos móveis em casa para dar uma sensação de coisa nova, modificar alguns horários, fazer caminhadas de vez em quando,  visitar alguém, ler um livro ao invés de se entreter na TV com a mesma programação, marcar um esporte com amigos e assim por diante.

A rotina também cansa e enjoa. Por isso tantas pessoas vivem hoje insatisfeitas, desanimadas, pois não tentam inovar ou modificar um pouco as coisas no seu dia-a-dia. E, quando vêm as férias, alugam uma casa onde, apesar da mudança de ambiente ou cidade, fazem a mesma coisa durante toda a jornada. E depois, não sabem por que estão cansadas e deprimidas.

Mudar, fazer algo radical, muitas vezes apimenta nossa vida e reanima nossa saúde. A rotina pode ser algo contagioso, que aos poucos nos enfraquece, nos deixa preguiçosos e sem ambição. Comece programando algo para o final de semana, diferente do que sempre faz. Existem muitas coisas que podem ser feitas sem você dar desculpas.

Portanto, cuidado com o que faz todos os dias, sem aproveitar os momentos bons que se apresentam para novas idéias, novas conversas e novas oportunidades.

Se não quiser chegar na sua velhice, sem nada de bom para contar sobre você e sua vida, trate de VIVER, criando novas atitudes e ações.

Namastê