Google+ Followers

Total de visualizações de página

Pesquisar este blog

Coração Aberto

Quando decidi escrever me senti uma borboleta saindo do casulo. E junto com ela saíram os sentimentos e os pensamentos que muitas vezes não conseguimos transmitir. Descobri que ser poeta é opinar sem medo, escrever é desvincular-se de segredos e expressar-se é viver intensamente.

JosiLuA

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

A VIDA É UM MAR DE ROSAS?


Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)



Mas é claro que a vida é um mar de rosas. Alguém já se deu conta que as rosas têm espinhos? Que não são só flores lindas e perfumadas? E que a beleza delas não dura tanto assim, pois são frágeis e delicadas?

Nossa vida é assim. Alguns momentos são tão maravilhosos que podiam ser colocados em quadros no nosso caminho, para lembrarmos do quanto fomos felizes, o quanto rimos e do quanto já fomos amados.

Existem rosas que nascem com mais espinhos que flores, pessoas que nascem com mais problemas e falta de sorte que outras. Mas nem por isso não podem pendurar algum quadro de um momento extremamente feliz.

O por que de tanta disparidade em relação a vida de cada um é algo sem resposta para nós. Especulações falam em carmas, em maior garra e esforço, em bumbum virado para a lua e assim por diante.

Mas, o fato é que talvez alguns tenham mais e outros menos, sejam mais e outros menos para haver o amor, a doação, o trabalho, a dignidade, a compaixão. Infelizmente tudo isso também vem acompanhado do egoísmo, da ganância, da infidelidade e de trapaças.

Mas ainda assim, a vida é um dom. É um mar de rosas. Pode ser que a resposta é que, alguns sabem andar neste mar de rosas pisando nas folhas e pétalas, outros pisam desajeitadamente nos espinhos causando sua dor.

Com o tempo, algumas pessoas aprendem a caminhar sobre o mar de rosas. Outras, passam a vida só enxergando a estrada de espinhos. Há também o que se chama de "sacanagem" de alguém. Quando você pensa que está andando corretamente, vem alguém e, sutilmente, o faz perder o equilíbrio. E você pisa em espinhos. Até passar a sua dor, percorre um caminho de reeducação e novo aprendizado.

Pessoas que andam de mãos dadas pelo mar de rosas também podem, ou ser realmente companheiras e ajudar uma à outra, ou aproveitar a mão da outra para se equilibrar, mas empurrar o outro para os espinhos. Por isso, acreditar em quem se dá a mão é obra de pessoa intuitiva, perspicaz e que respeita a si mesma.

Pisando em rosas teremos a suavidade de alegrias, saúde e amor. Pisando em espinhos estaremos fortalecendo ou enfraquecendo nosso espírito em doenças, guerras, fome, maldades.

Tanto as rosas, quanto os espinhos tem função certa em nossa vida. A primeira é nos dar força para o físico e o mental, o último fortalece o espiritual, quando são lições para a vida.

Um poeta disse que as rosas caem e os espinhos é que ficam. Para nós, seres humanos, as rosas não caem, mas devem sempre ser regadas para fortalecimento. Os espinhos ficam, mas devem ser trabalhados para deixarem de machucar e causar dor.

Com certeza, a vida de todos é um mar de rosas. Mesmo os que sabem o caminho das pétalas, em algum momento, por algum motivo, desequilibram e caem em espinhos.
Mas a vida é um dom. É um som. É um tom.

Notem que existem pessoas que fazem questão de ajudar em sua jornada jogando rosas para você pisar. Às vezes, elas tiram de seu próprio caminho suas rosas para poder ver a felicidade de alguém. São os anjos humanos. Os seres de dignidade imensurável. O importante é deixar-se ajudar, pois também é uma maneira de ajudar.

Suponha que você tivesse só pétalas em seu caminho. O que faria? Usaria toda essa sorte só a seu favor ou ajudaria os demais? Como será uma vida só de sorte e alegrias? Como será a pessoa que teria essa satisfação? Você acha possível existir alguém que saiba exatamente onde pisar para nunca sentir a dor de um espinho? Será que só depende mesmo de nós e nossa estrela?

Plantar sementes, regar e cultivar as rosas deve ser um trabalho persistente para que, mesmo com espinhos, possamos pisar em algum momento de nossa vida na suavidade das flores. Ter paciência para afastar e arrancar os espinhos nossos e dos outros fará com que, um dia, talvez, possamos somente pisar nas rosas.

NAMASTÊ

COISAS DA VIDA

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)

Este texto fará você se transportar a muitas e muitas coisas que já viu, foi e fez na vida. Pare, lembre, analise e seja... E se não viu, não percebeu, não foi ainda, talvez agora seja a hora de dar mais atenção a tudo que está ao seu redor.


O cheiro do mar, o orvalho da folha,
os desenhos das nuvens no ar,
o sabão numa bolha.

O pé na poça d'água,
o dedo escorregando no bolo,
o escorregador com uma tábua,
a casinha de tijolo.

A saia esvoaçante da moça,
o joelho esfolado da criança;
o caipira lutando na roça
e os amantes trocando aliança.

Um suspiro de tristeza e de dor
faz o moribundo desfalecer;
a solidão dos velhinhos
sem ter ninguém para os acolher.

O vôo da águia majestosa e esperta
o ratinho correndo pra sua toca;
o cientista com sua descoberta,
e no cinema, o saco de pipoca!

A viagem dos seus sonhos,
a paquera sem nenhuma intenção,
os palhaços tão risonhos,
o som do acordeão.

A cama quente no hospital,
a fome em tantos lugares,
a vida dentro do tribunal,
a vontade por novos ares.

O choro de dor do bebê,
os olhos tristes da solidão,
a tentativa de entender
pra que tanta devoção?

A comida fervendo na panela,
o estômago roncando do pobre;
o rico andando de caravela,
uma atitude mais nobre.

O vai e vem das pessoas,
o caminho das formigas,
a corrida das leoas,
o bambolê com cantigas!

O bater das asas da borboleta,
o guru meditando na montanha,
a energia de nosso planeta
a pessoa que sempre te acompanha!

As rugas do velho na casa de sapé,
a gravata perfeita no trabalhador,
a festa cheia de canapés,
o galã se achando um conquistador!

O chute que faz o gol,
a enterrada na cesta,
a luz distante do farol,
o desmatamento da floresta!

O cara que serra a madeira,
o salva-vidas no mar,
sentar embaixo da macieira,
o olhar perdido no ar.

A música que remexe o quadril,
a notícia que dispara o coração,
uma noite no delírio febril,
o aconchego de outra mão.

A dor na hora do parto,
o filho que se pega no colo,
a bagunça do seu quarto,
o tesouro no subsolo.

Uma casa enorme para três
uma outra pequena para vinte;
o lindo cabrito montês
galgando a montanha com requinte!

O castelo na areia,
O sorvete no nariz,
o maldoso na cadeia,
e a água do chafariz.

A união da família,
o abraço do grande amigo,
alguém fazendo vigília
pra não ser surpreendido!

O temporal que arrasa,
O calor que não dá trégua,
o tambaqui na brasa,
o tapa com uma régua.

As mãos juntas em oração,
a roda naquele terreiro,
o sentimento de ambição
do grande interesseiro.

Tantas coisas são feitas na vida
nem notamos o valor de todas elas
algumas passam tão despercebidas
nem pintando com aquarelas!

A vida vai, a vida passa
procuramos guardar coisas boas
mas a tristeza, por vezes, se arrasta,
como um rio levando a canoa.

Não é à toa que o cérebro tem
uma parte que guarda as lembranças;
Talvez devêssemos ir além,
de nossa grande esperança!

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

A TENTATIVA

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Eu tento traçar uma reta
mas a curva me acompanha;
eu tento ser mais ereta,
e a espinha se faz de estranha.

Eu tento sorrir todo dia
mas nem sempre encontro alegria;
Eu tento fazer mais amigos,
mas a falsidade dá cria!

Eu tento tomar café quente,
mas a língua acaba queimada.
Eu tento buscar palavras mais doces,
e acabo escolhendo a errada!

Eu tento entender o ser humano,
com suas crises de mau humor;
Eu tento acordar todos os dias,
sem carregar amargor.

Eu tento criar climas mais gentis,
mas as pessoas estão na delas;
Eu tento olhar o vôo do beija-flor
sem dar nenhuma piscadela!

Eu tento lutar pela felicidade
mas, às vezes, ela foge de mim;
Eu tento buscar novos caminhos,
até chegar o meu fim.

Eu tento ser amável e correta,
mas não sou compreendida;
Eu tento calar minha boca algumas horas,
mas a situação me deixa sem saída!

Eu tento abraçar e dar carinho,
mas escolho pessoas erradas;
Eu tento ser mais verdadeira,
mas acabo com tijoladas.

Eu tento amar e ser amada,
porque é o normal para nossas vidas;
Eu tento construir um clima melhor,
mesmo nas horas mais doídas!

Eu tento andar com os pés no chão,
mas, por vezes, me vejo voando;
Eu tento compreender a solidão,
e tem horas que acabo chorando!

Eu tento saber mais do que eu sei,
e criar novos horizontes;
Eu tento olhar sempre ao meu redor,
e atravessar correto todas as pontes.

Tentar é apenas uma ação
que nos faz movimentar a energia.
A tentativa vem como um trovão,
faz barulho e dá euforia!

Perceba tudo que você tenta,
podendo ou não dar bom resultado.
O que importa é tentar,
e não deixar a vida de lado!

NAMASTÊ!




 

A VIRADA DO ANO

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Será o ano uma linha reta
que, ao final da estrada tem uma esquina?
Parece que é assim que imaginamos
pois a cada término a gente repagina.

Na verdade, tudo não passa de grande ilusão,
e da vontade que se tem em melhorar.
Criar a fantasia de uma nova versão
faz nossas vidas terem força para continuar.

Promessas são feitas para mudar
pedidos são feitos para surpreender
Afinal, é mais um dia a passar
e tudo pode acontecer.

Portanto, não espere o calendário
para agir de maneira sensata
não seja um retardatário
em decidir sua vida numa única data.

Que a saúde seja sua meta espiritual
Já que o corpo é a morada da alma
Que seus planos de bondade sejam um ritual
e todos os dias você o faça com calma.

Mas é bom acreditar que na virada do ano
existe um mundo novo a surgir
E, mesmo sendo veterano
Um calouro cheio de vontade vai submergir.

Tantas orações, tantas promessas
são esquecidas ao longo do tempo.
Se você parte, mas logo regressa,
acaba com um grande contratempo.

O ano tem 365 dias,
para amar, lutar, criar, querer
você deve colaborar com as alegrias,
para que o mundo tenha mesmo um novo ALVORECER!


Um Ano Melhor com Nossa Ajuda

a gente se encontra depois da esquina....!!!

NAMASTÊ




 

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

DECISÕES

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)



Por vezes, a discussão é comigo
pois não sei bem o que quero
quando quero e consigo,
já não sei mais o que espero.

Perceber que nem sempre se acerta
após uma grande batalha,
é decepção que aperta
e acabo jogando a toalha!

Porque tanta contradição
quando se consegue o que quer?
Talvez por falta de razão
em não aceitar o que vier.

Nem sempre o que vem é o que realmente queremos
Talvez apenas seja um atalho.
Mas, se não enfrentarmos, jamais saberemos
como nos dedicarmos a outro trabalho.

Pode ser um amor, pode ser sua vida
Decepções estarão no caminho
Cabe a nós buscar a saída
E decidir tirar os espinhos.

As estradas são diversas,
os caminhos cheios de curvas
Escolher qual deles é o certo
é como andar pelo deserto
sem ter água por perto.

Mas temos que tomar um rumo
e enfrentar a decisão
se for o certo, será o resumo
para não ter desilusão.

Se for o errado, problemas virão
mas a decisão foi tomada
agora é abraçar a condição
de uma vida atrapalhada.

O que eu quero afinal?
Ir pra lá ou vir pra cá?
talvez deva pensar melhor
na decisão que irei tomar
porque estou falando de minha vida
e não quero me abandonar!

O DESEJO DE TER ALGUÉM

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Tenho visto e sentido nas pessoas o desejo quase que sufocante por encontrar alguém para amar, para terem companhia, para formarem uma família. Então, o que está acontecendo com as pessoas que não conseguem mais manter uma relação?

Acho que posso falar disso com calma e bom senso, pois tive algumas relações onde achava que tudo seria eterno e não foi. Tentei e as relações não chegaram na eternidade. Talvez porque não eram eternas, mas para durarem o tempo necessário de me amadurecerem como pessoa e mulher. Hoje aprendi a viver sozinha sem medo de ser feliz. E acho realmente que as pessoas têm que tentar. Não importa o tempo, mas a qualidade de suas relações. Porque só assim entenderão seus erros e aprenderão a mudar. E, de alguma forma poderão escolher, mais tarde, o que realmente querem para suas vidas.

Quem estiver procurando alguém para repartir sua vida, deve antes de tudo amar a si mesmo. Pois, se não tiver respeito por si, ninguém terá. Deverá estar disposto a dividir muitas coisas: sua cama, seu banheiro, seus problemas, suas alegrias e tristezas e até seu ganha-pão. Quem aguenta desaforos para ter alguém já está no caminho errado. Ninguém deve ser humilhado, nem maltratado.

Quem quiser alguém do seu lado não deve atrair para depois desfazer ou descuidar da pessoa. Deve estar atento às necessidades do companheiro. Quem quiser alguém do seu lado deve abrir espaço para a outra pessoa respirar e deixá-la ser quem era antes de te conhecer. Mudanças acontecem, mas tem que ser para melhor e com entendimento e respeito.

Quem quiser alguém do seu lado tem que observar os gestos, os olhares, os sinais de seu corpo. Pois, pessoas desatentas, acabam não percebendo que estão perdendo o jogo para outra pessoa.

Quem quiser alguém do seu lado deve cuidar com as palavras, pois que elas vão minando insistentemente a relação como a picareta quebra a pedra. Um dia, a pedra racha e deixa de ser pedra.

Quem quiser alguém do seu lado deve tentar entender que, às vezes, precisam haver mudanças na nossa maneira de pensar e viver para poder estar mais próximo à pessoa amada.

Sacrifícios são necessários, boa vontade mais ainda. Pois, quem quiser ter alguém do seu lado deve aprender a não sufocar, deixar espaço, mas não tanto espaço para que não passe despercebido demais.

Quem deseja alguém do seu lado deve querer realmente e não só buscar aventuras ou desejos sexuais. Deve se satisfazer com o dia-a-dia que nem sempre será um mar de rosas, mas terão compensações fabulosas e inesquecíveis.

Quem quer ter alguém do seu lado deve reconhecer o cheiro da pessoa e sentir falta, os desejos e tentar agradar, porém deve manter a estrutura da vida a dois com alicerces firmes, não construindo castelos de areia.

Quem quer ter alguém, deve trabalhar todo dia seu lado romântico de alguma maneira. Às vezes, não dá como imaginamos. Mas um sorriso, um toque ou um elogio farão milagres.

Quem deseja alguém do seu lado deve lembrar de mudar seu humor, fazer esforço para deixar a grossura de lado e saber que outra pessoa na sua vida significa paciência.

Quem realmente quiser alguém do seu lado, jamais poderá esquecer da palavra amor, pois que amar não é fácil. Se fosse, não aprenderíamos tanto com nossos erros amorosos. É fácil dizer Eu te amo, difícil é demonstrar esse amor.

Quem quer alguém do seu lado deve abrir mão de algumas horas do EU e ser NÓS.

E, somente os casais que se respeitam, que são verdadeiros companheiros de luta, de alegrias, tristezas e dores, que não se importam em dividir e compartilhar é que "provavelmente" conseguirão uma relação duradoura e mais sadia.

Mas lembre: muitos são os que permanecem nas relações por medo de lutarem sozinhos e isso também faz uma pessoa infeliz.

Encontrando esse alguém, trabalhe com afinco seu desejo de ser feliz e fazer feliz. Ninguém completa ninguém. Porque se você precisar de um complemento é porque não amadureceu o suficiente para viver um amor. O que se precisa é de alguém que te acrescente algo bom, alguma novidade que melhore sua visão de vida.

Para terminar só tenho a dizer que: não ser chato, orgulhoso demais ou dono da verdade o tempo todo já é um grande começo, porque as pessoas buscam a felicidade e não uma vida monótona, onde se sintam apenas seu boneco de pelúcia.

NAMASTÊ

domingo, 23 de dezembro de 2012

ON OU OFF

Peço permissão ao autor para postar em meu blog essa mensagem maravilhosa que pude ter a honra de ler e que nos transforma de alguma maneira.

http://www.youtube.com/watch?v=9_JDcFMDieU

Se você quer ser alguém melhor, PENSE NISSO!


NAMASTÊ


A Terra e nossas VIDAS estão em nossas mãos....


MENSAGEM DE NATAL

Autora: Josianne L.Amend


Chegou, pela 2012.a vez, o Natal. E com ele vêm as famosas frases de esperança e desejos.

Estive pensando no que escrever nesta mensagem e, ao invés de escrever o que desejo para todo mundo, resolvi escrever sobre o que desejo para mim. Na verdade, o que eu espero de mim. E, sinceramente, espero que você pense nisso também.

O Natal, sem dúvida alguma, deixa no ar um clima de esperança, de amor e de carinho maior do que naturalmente há. E, nesta hora, temos que aproveitar esse insconsciente coletivo da humanidade para aumentar nossa fé, nossa vontade de melhorar e melhorar o mundo.

Sei que ainda existem pessoas que, talvez por sofrerem tanto ou por realmente não quererem ser nada além de malfeitores, que não têm esse espírito natalino e acabam por atrapalhar um pouco a energia. Mas, a união da maioria pode sim criar uma condição iluminada e de mais alegria.

Por isso, sugiro que você também deseje para você tudo o que deseja para o próximo, pois que você merece ser feliz, ou aprender.

Neste Natal eu desejo:Árvore de Natal

* que eu aprenda a me calar na hora certa, para que eu não venha sentir arrependimento mais tarde;

* que eu consiga me ver livre do sentimento de ciúme e inveja que por vezes me assola e, que sem dúvida alguma, faz mal para meus corpos físico e mental;

* que eu seja mais decidida em tomar à frente meus projetos e que movimente esta energia de forma a me ver realizada de alguma forma;

* que eu estenda mais vezes a minha mão e que se, por acaso, ela não for aceita, eu não me ofenda com isso, mas entenda a particularidade do outro.

* que eu faça melhor pelo planeta Terra, separando mais ainda os lixos, cuidando do lugar onde moro, das ruas por onde passo e dos lugares que visito, sabendo recolher o lixo e enviá-lo ao lugar certo;

* que eu procure me informar mais sobre as pessoas que vivem em estado de tristeza e dor e possa ajudá-las de alguma forma;

* que eu me lembre de me divertir, de visitar amigos, de abraçar mais meus familiares antes que seja tarde demais;

* que as mágoas, ressentimentos e as palavras duras que engoli durante o ano sejam transformadas em pétalas de luz, que entrem em cada célula do meu corpo e me transformem num ser saudável e cheio de paz;



* que eu seja cada dia mais Luz para as pessoas que encontrar em meu caminho e que saiba distinguir melhor quem realmente merece meu sorriso;

* que eu use de forma inteligente meu tempo para amar, para trabalhar, para me divertir e para estar presente no coração das pessoas;

* que eu tenha o tempo todo dentro de mim a sabedoria necessária para cuidar dos meus problemas, dores e sofrimentos sem que nenhum deles possa abalar minha saúde;

* que eu jamais esqueça da minha natureza, pois que DEUS está sempre a meu lado e dentro de mim.

* que a paciência seja minha companheira no lar, no trânsito, no trabalho, nas amizades, na família;

* resumindo, que eu SEJA LUZ SEMPRE, por mais difícil e doloroso que possa ser, pois se cada um tentar um pouquinho, com certeza a TERRA será mais iluminada daqui para frente.

Então, que o MEU NATAL seja isso tudo. E que você possa fazer o seu. Pois desejar Feliz Natal é muito fácil. Duro mesmo é SER UM NATAL REALMENTE DE LUZ.

Se eu for melhor, com certeza ajudarei a energia do Planeta. PENSE NISSO!


Eu me desejo um FELIZ NATAL DE VERDADE, procurando fazer o seu também.

NAMASTÊ

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

REENCONTRO EM SI

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)

Ao fitar a grande lua
que se esconde por detrás da névoa branca,
tive a sensação de voltar no tempo
e poder corrigir os erros que me incomodavam.

Imediatamente sentei na grama úmida
e pude sentir as batidas do meu coração
ecoando na noite silenciosa que, mansamente,
abraçava minha existência.

Não sou um, sou muitos,
não sou nenhum, sou alguém.
A cara que vejo na lua
não é minha e de mais ninguém.

Olhares na escuridão me observam
sinto a respiração do mundo ao meu redor
e o vento tenta tocar o meu íntimo,
mas o medo me faz recuar.

Toco a escuridão e sinto na pele
algo tenebroso e inexplicável
Me entrelaço toda numa rede telúrica
como se raízes se soltassem de mim.

Não sou uma, sou tantas
não sou apenas, sou todas
A razão que me energiza a alma
me faz ver minhas vidas.

A lua se esconde, a névoa é mais densa
todos em mim somem através da escuridão
sinto-me só, toco meu corpo
para ver se sou alguém ou ninguém mais...

 

A SEMANA DA INTERROGAÇÃO

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)

Estamos vivendo uma semana diferente. Uma semana onde, apesar de trabalhar, de viver, as pessoas comentam e questionam sobre a vida. Sobre a sua vida!

Confusos e amedrontados, todos nós esperamos pelo grande dia 21 de dezembro de 2012. O dia do juízo final? O dia do final dos tempos? Enfim, o dia da nova era?

Mas, enquanto todos que estão saudáveis pensam no que vão passar e no que pode acontecer, muitos já vivem o fim de suas vidas em hospitais, em asilos, nas guerras, em lugares longínquos e sem nenhuma fonte de prazer, de riqueza, de saúde ou de paz.

Pessoas vivem o final de seus tempos a cada minuto. Pessoas não sabem o quanto vão viver e precisam se agarrar na esperança. E nós, saudáveis, apenas nos questionamos se vamos ou não perder tudo?

Essa semana, tenho certeza, todos estamos esperando com certa ironia o dia 21. E, se realmente acontecesse algo para nos assustarmos, nos desesperarmos? Como reagir a tal evento? Quem está preparado?

Eu realmente gostaria que algo acontecesse para melhorar a consciência do ser humano, a vida no planeta. É absurdamente egoísta a maneira como tratamos a natureza, os animais e outros seres humanos. É irreparavelmente assustadora a condição dos governos, da mente de quem não pensa em outra coisa além de ter mais e mais e mais, sem ao menos olhar para as pessoas que já não tem mais carne em seu corpo e que padecem de fome, frio e dores.

Teremos escuridão, descerão seres de luz, ocorrerão grandes catástrofes? Eu ouvi de tudo nestes últimos anos sobre as profecias. E o que eu quero acreditar é que se algo acontecer, que sobrevivam aqueles que poderão realmente dar início à uma NOVA ERA.

Que sobrevivam aqueles que puderem amparar as crianças e educá-las de maneira que saibam governar este planeta. Que sobrevivam aqueles que têm algo de bom a oferecer e a ensinar. Que sobrevivam os que sabem transmitir a luz e a paz. Que sobrevivam aqueles que estão prontos para cuidar da nave-mãe. Que sobrevivam aqueles que saibam que as armas, as bombas podem ser criações de um homem egoísta, mas que, cedo ou tarde o retorno chegará para mostrar QUEM realmente é dono de tudo!

NAMASTÊ

 

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

HISTÓRIA PARA SENTIR

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)



A pobre criatura se olhava todos os dias no espelho e perguntava por quê?
Por que ela não era mais bonita?
Por que ela não tinha um emprego melhor?
Por que ela não morava numa casa mais confortável?
Por que ela tinha aquele problema que não conseguia achar a solução?
Por que sua família era tão chata?
Por que tinha dado errado aquela viagem?
Enfim, cada dia era uma reclamação, um por quê.

Um dia, ela acordou e ao se olhar no espelho não viu nenhuma imagem. Viu o vazio, viu o nada...Assustou-se e apesar de enxergar-se, não se via no espelho.

Começou a chorar e dizer:
- Por que isso está acontecendo comigo?

Então, uma luz intensa apareceu e essa pessoa sentiu uma paz muito grande.
Uma voz tranquila surgiu e disse: - Não chores! Você agora está recebendo aquilo que tanto queria.

A criatura não entendeu e perguntou: - O que eu tanto queria, afinal?

A luz respondeu: - Todos os dias, apesar de todos os esforços, não conseguimos te fazer feliz, nem tampouco te realizar. Então, respondendo aos seus por quês, retiramos você do mundo em que estava, repentinamente. De agora em diante, você não será mais lembrada, outra pessoa terá seu emprego, sua casa acomodará quem dela precise, você estará livre dos problemas sem solução, mas que te faziam aprender, ficará livre também de sua família e te daremos uma viagem para um lugar novo, longe disso tudo. Um lugar onde não terá do que reclamar, do que se enfezar, do que se aborrecer...porém, um lugar solitário, pois que tua imagem não será foco de tua tristeza.

A criatura pensou e em princípio achou tudo muito bom. Porém, começou a analisar o que faria neste lugar sem ninguém para conversar, sem suas tarefas diárias, sem amigos, sem familiares e de problemas para resolver? Desesperou-se com a situação e pediu à Luz uma nova chance.

A Luz amorosa concordou e foi, aos poucos, sumindo, mas deixando no ambiente uma certeza. A certeza de que " ENTENDER A PRÓPRIA VIDA É A LIÇÃO MAIS INTENSA QUE PODEMOS TER EM NOSSA EXISTÊNCIA"!

E, a partir desta data, a criatura acordava e, ao olhar para o espelho, via uma alma decidida a amar, a aceitar, a lutar, a abraçar, a melhorar o que pudesse dentro de si. E entendeu que o que não conseguisse hoje, poderia tentar novamente amanhã; o que não resolvesse hoje, poderia compreender melhor  amadurecendo a idéia; o que não aceitasse hoje, poderia ser o que iria fazê-la enobrecer com os resultados, amanhã.

Ao invés de tantos por quês, a criatura agora apenas agradece e tenta seguir em frente, mesmo com árdua luta.

Namastê

 

SER E APRENDER

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Num sonho, me vi como o barro.
Fui pisada e massacrada!
E, mesmo com todo esse flagelo
aprendi a ser macia, me tornar resistente e útil.

Pensando, imaginei-me como um bambu.
Era flexível, vergava nos açoites e vendavais,
mas conseguia me manter firme e imponente
abrindo caminhos em meu interior, retirando o que não prestava.

Meditando, idealizei-me como um cactus
solitária, mas abrindo meus braços sempre
para proteger e oferecer o que de mais importante
existe em mim para aquele que tem sede de alguma coisa.

Imaginando, quis ser um sol
capaz de iluminar e aquecer as pessoas que se aproximam
e que procuram a luz sem, entretanto, ofuscá-las,
mas sendo brilho para que enxerguem longe.

Vivendo, chorei como as nuvens,
sofri, como as plantas num temporal,
procurei, como as formigas buscam alimento,
gritei, como o vento se estreitando entre as rochas,
corri, como as ondas a buscar a areia...

Isso é a mente... E a mente somos nós!
É aquilo que imaginamos,
que nos faz mover, não só o nosso,
mas todo o mundo...! 

sábado, 8 de dezembro de 2012

VIAGEM NA NATUREZA


Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


UM PRESENTE > vivência de autoconhecimento

Quer conversar com a natureza? Conheça-a melhor... procure ir em lugares de rios, cachoeiras, florestas, matas, praias...

Sente-se em algum lugar e respire profundamente. Ja vai notar a diferença no ar. Limpe sua mente dos problemas e apenas, admire!

Respeite o lugar onde está. Não leve lixo, nem corte nada. Apenas, admire! Toque com cuidado alguma planta e mentalize uma conversa cordial e amigável. Energize-se, mas envie para a planta um sentimento de alegria e cordialidade.

Observe as rochas, os cristais, a cor da terra. Observe os animais minúsculos e  estranhos fazendo caminhos para chegar a algum lugar.

Molhe seus pés, mãos, rosto na água gélida do riacho. Siga o vôo trepidante da borboleta.

Aqueça-se na piscina natural de águas cálidas. Umedeça e massageie a sola dos pés com a areia de grânulos finos.

Peça permissão e suba nas costas da girafa e veja o mundo mais distante. Sinta o cheiro da terra úmida, da chuva chegando. Levante o rosto e deixe que a brisa fria penetre em você.

Deite na grama, observe os pássaros no céu, os gritos da águia, os passos dos grandes animais, num som retumbante e seco no solo. Corra, de pés descalços, pela grama refrescante atrás das sementes de dente-de-leão que voam buscando um local para germinar.
Imagine as árvores caminhando e fazendo um grande círculo ao seu redor. Imagine os animais se juntando a esse círculo. Imagine a terra a seus pés de cores diversas.  Imagine nascendo flores de vários tamanhos e espécies ao seu redor. Veja as sementinhas germinando num balé de esforço e beleza.

Eis um círculo da natureza e você no meio.

Abra os braços, respire profundamente e entregue seu amor e compaixão a todo planeta Terra e seus lugares maravilhosos. Peça proteção aos anjos de luz, para toda a natureza.

Ouça agora, em silêncio e totalmente equilibrado, a música de perfeitos acordes que a natureza nos honra. Imagine cada nota penetrando todo seu corpo e equilibrando seus chakras e cada órgão.

Deite-se e observe agora a forte energia que percorre o círculo. É uma vibração que te faz perceber quem você realmente é e o que veio fazer. Liberte-se dos maus sentimentos como rancores, medos, raivas, possessividade, manipulação, traições...

Respire mais uma vez profundamente, admire tudo que está ao seu redor e vá andando e agradecendo a cada integrante da natureza. Posição de mãos fechadas, como em oração e cabeça em reverência.

Você acabou de receber a mais pura energia de vida. Use-a para melhorar a si mesmo e respeitar a natureza.

NAMASTÊ!

VOCÊ ESCOLHEU

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)



Quando dizemos que foi vontade de Deus, talvez estejamos errados. Acredito que foi vontade nossa e Deus, nosso Pai, apenas deixa que tenhamos livre arbítrio para fazer aquilo que nos levará ao crescimento espiritual ou às lições para acordarmos.

Então, se escolhemos, porque tantos erros? Tenho certeza que todos, no fundo do nosso interior, temos vontade de acertar. Parece que os erros fazem parte de um ser humano ainda carente de luz, de aprendizado e de momentos de meditação.

Viemos para este mundo com escolhas de nossa própria vontade. Talvez, mudanças sejam feitas pelos seres que nos cuidam, ou para não sofrermos demasiadamente, ou porque precisamos daquele puxão de orelha, já que nos enredamos em caminhos tortuosos.

Um dos sentimentos que causam desvio dos caminhos ora escolhidos é a raiva. Ela acaba manipulando nossa mente e nos faz tomar atitudes extremas, de ações súbitas, sem nenhum amor embutido nelas. Faz estragos. E, com certeza, o arrependimento será a futura tortura.

Analise sua vida, seu caminho e comece a perceber que, muitas vezes, aquilo que sonhamos não condiz com a realidade de nossa vida. E isso pode ser um peso ou pode ser uma dádiva. Depende do que queremos levar em nosso coração.

Se você escolhe que o que está passando é um fardo, provavelmente verá em tudo que está ao seu redor a ganância, o desejo de ter e seu íntimo será  de uma pessoa amarga, cheia de rancores e raiva pela sua vida.

Se você escolhe que o que está passando é apenas um passaporte para que você acorde e encontre força para chegar onde quer e quem sabe, mudar seu jeito de ser, você poderá estar plantando as sementes para um futuro mais feliz.

Portanto, o famoso "nada é por acaso" pode ser apenas um chavão, como uma verdade.
Comece a tomar consciência do que, inesperadamente, acontece em sua vida e vai ter lições de sobra para amadurecer o seu espírito.

Por enquanto, pense que:

Se você escolheu vir a este mundo,
é porque precisava da energia dele para trabalhos espirituais nada fáceis;

Se você escolheu ter essa família,
não é porque eles são os mais bonzinhos, mas porque temos resgates de vidas passadas com essas pessoas e precisamos tentar ajudar nesse desprendimento;

Se você escolheu ter filhos,
é para auxiliar seres que se prontificaram a voltar a este plano numa missão de crescimento espiritual ou para que eles possam cumprir tarefas de luz;

Se você escolheu ter esses pais,
deve, no mínimo, respeitar a oportunidade de estar neste mundo que eles te deram e ajudá-los na caminhada da vida com carinho, quando precisarem.

Se você escolheu essa profissão,
é para aprender, ensinar, se submeter, saber organizar, ter responsabilidades, proporcionar oportunidades, ajudar no processo evolutivo, concluir tarefas inacabadas, perceber seus erros, ter compaixão, aprender a ser humilde...

Se você escolheu estar com alguém,
procure fazer esta pessoa feliz, já que é o mesmo que você procura. Aprenda que outro ser humano merece antes de tudo respeito e no mínimo cuidados.

Se você escolheu ficar sozinho,
pelo menos não seja egoísta e dedique um pouco de seu tempo a alguém necessitado. Pratique a compaixão. Exercite o verbo doar-se.

Se você escolheu ser rico,
talvez seja para trabalhar o amor pelo próximo, a caridade e o senso de humildade.

Se você escolheu ser pobre,
talvez seja para trabalhar o orgulho, o vontade de progredir, a preguiça.

Se você escolheu viver nas drogas,
você estará bloqueando sua energia espiritual, condensando seus pensamentos e causando mal a si e a outros. O caminho será tortuoso e perigoso.

Se você escolheu ter amigos,
não seja um trapaceiro, um fofoqueiro, um manipulador. Saiba respeitar o limite do outro, deixando espaço para seus próprios pensamentos e decisões.

Se você escolheu morrer em vida,
lembre-se que poderá estar querendo sair antes do jogo terminar. Trabalhe a sua força e não seja um perdedor.

Se você escolheu sobreviver,
agarre com força sua luz, porque terá que ser poderoso ao ponto de torná-la um suporte a todas as tempestades.

Se você escolheu ler este texto agora,
é porque tem alguém te cutucando para que você pense, aja e decida...

DECIDA PELA VIDA, PELA FELICIDADE, PELO AMOR, PELA PAZ, PELA BELEZA DE ESTAR RESPIRANDO E TER ESTA OPORTUNIDADE.

e AGRADEÇA... tudo e todos, de bom e de mau, que vier em seu caminho... pois que a lição está em cada rosto, cada gesto, cada olhar, cada momento!

E, você tem escolhas... mas pense antes de agir, pese os resultados e acerte na escolha para que não venha a sofrer com os arrependimentos futuros.

Namastê

 

QUISERA EU..

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)



Às vezes fico tão pensativa... aliás, pensamentos sobram em mim!
E os mais interessantes me acompanham na limpeza de casa,quando estou cozinhando ou quando acordo muito cedo e fico na cama olhando o nada.

E, normalmente, eles vem acompanhados do verbo querer, na primeira pessoa do pretérito mais-que-perfeito do indicativo: QUISERA!

Talvez você, que está lendo este texto, sinta alguma semelhança com os seus pensamentos também. E resolvi escrever sobre isso como forma de desabafo e, quem sabe, para que eu acabe tendo um "insight" e faça algo para mover a energia e buscar o que almejo.

Quisera eu poder voltar à minha infância e aproveitar melhor a natureza, pois quando eu era pequena brincávamos nos campos, nas ruas, sem medo e preocupação com os monstros que estão à solta hoje em dia. Levaria comigo meus filhos e netos.

Quisera eu poder voltar à minha juventude e ser mais responsável ao ponto de entender a importância real de cada matéria que estudamos na escola. Aproveitar mais os livros, buscar sabedoria e fazer da leitura um hábito constante.

Quisera eu, nesta mesma juventude, definir o que eu gostaria para minha vida, sem pensar em status, mas no que realmente me faria feliz. Talvez hoje eu tivesse diversas profissões que me ajudariam na força da velhice e na satisfação e realização pessoal.

Quisera eu, na fase adulta, ter escolhido melhor meus estudos, me dedicado mais a aprender, fazer cursos diversos e sempre ter cartas na manga.

Quisera eu ter decidido viver mais intensamente minha vida e me preocupado com o futuro financeiro de maneira mais responsável.

Quisera eu ter meus filhos novamente pequeninos e educá-los, talvez, de maneira mais sábia, com as ferramentas que tenho hoje e que com 30 anos não soube usar.

Quisera eu não ter dito palavras, não ter tomado decisões, não ter arriscado tão alto.

Quisera eu poder entender melhor as atitudes das pessoas, os estragos que elas fizeram em minha vida e em meu coração, sem se preocuparem com isso.

Quisera eu ter a força de uma leoa para defender a prole, ter a sapiência de um mestre para proferir as palavras no momento certo ou me calar e apenas ouvir.

Quisera eu ser como a Coaricoara, dura e resistente, onde os pregos e martelos não conseguem furar. Só assim estaria protegida de tantas palavras e açoites.

Quisera eu ter amado mais, ter acreditado mais e ter agido com menos impulsividade. Talvez assim, hoje, eu tivesse alguém que trilhasse comigo o caminho do amor.

Quisera eu poder abraçar minha família e colocá-los em um local protegido dos perigos, das doenças e da falta de luz que muitas vezes os assola.

Quisera eu ter a magia de fazer-me entender, para que as pessoas respeitassem o que e quem eu sou neste mundo e que do meu corpo também saem lágrimas, corre o sangue e sinto dor.

Quisera eu voltar no tempo e estudar melhor a história do mundo, pois que hoje vejo o quão importante ela é e o quanto tudo isso nos afeta.

Quisera eu entender a mente das pessoas que, com a fome de se sentirem importantes para o mundo, acabam destruindo o sentimento e a vida dos outros, pelo simples fato de quererem ganhar o título de humanitárias, mas na verdade são só intrometidas.

Quisera eu entender os amores que passaram pela minha vida e saber o por que de tanta decepção, destruição de sentimentos e dúvidas, fazem parte do que vocês chamavam de amor.

Quisera eu compreender porque que quando somos crianças temos que passar por momentos de tristeza, de discriminação e de abandono que levamos para toda nossa vida, influenciando o adulto que está por nascer.

Quisera eu aprender a amar e não me decepcionar com quem eu amo, acreditar e não me surpreender com a desilusão, partilhar e ter alguém que olhe para mim também, me ajudando de alguma forma, só pelo prazer de me ver sorrir.

Quisera eu ter conhecido mais e mais pessoas, para entender o mundo, observar melhor suas atitudes e poder aprender algo com elas.

Quisera eu ter tido a força de gritar "A vida é Minha" em muitos momentos e ter tomado atitudes que pudessem me valorizar perante mim mesma, pois que somos bloqueados pelo medo ou inveja dos outros.

Quisera.... mas não fiz... Hoje, só os pensamentos e vontades restaram. Se dará tempo para fazer um pouco disso, não sei. Se terei força e ânimo para recomeçar, não sei.  Pois acho que no mundo, tudo tem um tempo. Tudo tem um momento.

Existem muitas coisas que podemos fazer até o final dos nossos dias. Outras, porém, só poderemos nos lamentar de não termos feito na hora exata. Essa hora é a hora da disponibilidade, da força, da resistência, da situação financeira, da saúde e bem-estar.

O tempo passa e nossas atitudes, se não forem as mais desejadas por nós, vão ficando empoeiradas e gastas. Hoje, eu penso, durante a faxina, na cama, que o que eu posso fazer por mim além de pensar no verbo querer, é colocar mais um verbo nos meus pensamentos que me incentive a agir: o verbo CONSEGUIR.

E sei que poderei conseguir se eu não ficar só pensando. Se eu buscar, tentar, organizar, economizar, analisar e embelezar.

Buscar ser feliz, tentar fazer tudo que eu gostaria a partir de agora, organizar melhor minha vida, minhas amizades, meu dia, economizar palavras, dinheiro, analisar antes de agir e embelezar minha vida com pensamentos positivos e vivendo o meu EU e não o dos outros.

Mãos a obra....

NAMASTÊ
 

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

COEXISTÊNCIA

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Eu falo,
Tu ouves,
Ele comenta
Nós discutimos
Vós discordais
Eles aceitam

Eu beijo
Tu piscas
Ele observa
Nós combinamos
Vós abraçais
Eles menosprezam

Eu acredito
Tu mentes
Ele confessa
Nós sustentamos
Vós procurais
Eles trapaceiam

Eu amo
Tu abandonas
Ele quer
Nós sabemos
Vós sofreis
Eles partem

Eu adoeço
Tu curas
Ele renega
Nós rezamos
Vós confiais
Eles acreditam

Eu sorrio
Tu choras
Ele debocha
Nós suspiramos
Vós enlouqueceis
Eles fogem

Este é o nosso mundo
Coexistência total
para uns em cima, outros no fundo,
uma parafernália anormal.

Cada atitude, cada ato
a vida de alguém influencia
coexistir é um fato
fazemos todos uma acrobacia.


 

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

OBSERVE MELHOR

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


O pingo de chuva,
o quadro no hall,
o sabor da uva,
a música do coral.

O desenho do seu filho,
o bichinho no papel,
o homem andarilho,
a barba do Noel.

O peixe que belisca,
A sombra das pessoas,
o surfista que se arrisca,
os passeios de canoas.

A paisagem do seu caminho,
o velhinho no banco da praça,
o músico com seu cavaquinho,
e o palhaço cheio de graça.

O sorriso de quem está ao seu lado,
a natureza enfeitando seu dia,
o biscoito amanteigado,
o andar das pessoas em coreografia.

Os olhos de quem pede socorro,
os lábios de quem não consegue falar,
a brincadeira de seu cachorro
a foto que se acabou de revelar.

Observe agora o mundo ao seu redor
pois que há mais beleza do que imagina;
você peca por não observar melhor,
como é engraçada a dança da gelatina.

Olhe os pássaros, as formigas e as estrelas,
ouça o vento, os animais e a música que toca,
a beleza não está só na luz das velas,
está até no requebrado da minhoca.

Observe melhor sua família,
seus amigos e até você mesmo no espelho
Não deixe que a vida passe despercebida
observe tudo melhor: é meu conselho!

 

SÓ VOCÊ

Autora: Josianne L.Amend (JosiLuA)


Só você para deixar minha vida tão bagunçada,
mas também é quem me motiva a organizar meus pensamentos;

Só você para incentivar minha vontade de fazer regime,
mas também é quem me acompanha nas melhores comidas;

Só você que me faz enxergar a luz numa noite tão escura,
mas também é quem escurece meus olhos de lágrimas pela ingratidão;

Só você que me faz sentir dores fortes no peito quando não telefona,
mas também é quem alarga meu sorriso me aguardando no hall do escritório;

Só você que ao me tocar cria em mim uma descarga elétrica,
mas também é você que consegue dar um curto circuito em minha cabeça;

Só você que me enfeitiça com esse olhar dominador,
mas também é você que me acalma com seus gestos de carinho;

Só você é que faz eu me sentir com o demônio no corpo,
mas também é você que me faz parecer um ser de luz cheio de inspiração;

Só você que me perturba com seu cheiro e sua voz,
mas também é você que me faz descobrir a verdadeira mulher que existe em mim;

Só você é quem rompeu a barreira da paz que eu tanto busquei
para mostrar para mim o que é o verdadeiro AMOR e a luta que tem por trás de tudo isso...